Zenith Forex carreira Taxas Forex de Omã. SEMPRE Opções de ações da Lockheed Martin EUR CHF Negociação de opções de colocação adx opcoes binarias Indicadores de negociação forex. Forex-Ultimate-Guide-to-Action-Trading fxopen forex fábrica Aprenda ler meet melhores robôs forex. Forex Peso USD. Opções Skilled Trades Feira 2018 Níveis mestres forex. xforex webtrader. Luca Indicadores de Como implementar uma estratégia de negociação de grade de sucesso opções binarias é jogo Futuros opções Opções de ações do empregado do escritório de advocacia O que é pips dianteiros em negociação forex maior alta Melhor Forex Forex vs Trading Day BEST FOREX SCALPPING SOFTWARE FB Forex. Nenhuma Execução Forex do Desecutor de Ler Sinais de Software de opções binárias legítimas Blog de Jarratt Davis Forex Horário NBAD Forex Trading. melhores provedores de sinal forex Forex trading forex.com uk bate-papo ao vivo IRS-Kapitalgewinne Aktienoptionen καταστήματα ειδών 10 dollar bitcoin женщины ищут любовников Киров how to meet gay friends Cardiff UK
Imprimir esta página
Quarta, 22 Setembro 2021 21:47

Regap terá ato na sexta da caravana contra privatizações e terceirização

Atos já foram realizados na Replan, Revap, Recap e RPBC, refinarias da Petrobrás no estado de São Paulo, em protesto contra a privatização e a terceirização de setores estratégicos, como o de tratamento de água e detritos industriais

 

Para fazer frente aos diversos ataques que os trabalhadores da Petrobrás e a soberania popular têm sofrido, diversos sindicatos de petroleiros realizam, desde o mês de agosto, uma caravana contra a terceirização. Depois das refinarias de São Paulo – Replan (em Paulínea), Revap (em São José dos Campos), Recap (em Mauá) e RPBC (em Cubatão) -, o próximo ato acontece em Minas, na Regap, no dia 24, às 7h. Assim como os demais, devem participar petroleiros de outros estados, além de representantes da FUP e da FNP.

 

“O ato de Minas Gerais segue o ocorrido nos atos anteriores de combater a terceirização do tratamento de água e detritos industriais. Temos a concepção que a falta de efetivo se combate com concurso público e lutamos para que os atuais terceirizados tenham os mesmos direitos e condições dos trabalhadores diretos”, explica Leonardo Auim, diretor do Sindipetro MG. “Porém, temos agravantes  locais que não esquecemos: sempre defendemos que a Regap não seja vendida e somos contra a chantagem atual da empresa no dia a dia e na tabela de turno”, reforça o diretor.

 

Outro tema destacado no ato é o processo de privatização do sistema Petrobrás e a venda das refinarias, como a Regap. “Nosso ato também é para dialogar com a sociedade sobre os riscos da privatização da Regap. O que a população tem sofrido com a alta do gás e da gasolina é fruto do processo de venda das refinarias da Petrobrás e da política de preços criminosa adotada pelo governo Bolsonaro”, diz o diretor Anselmo Braga.

 

“Hoje, com a privatização batendo na porta, é fundamental construirmos lutas conjuntas. A categoria petroleira é forte, mas às vezes tem de agir para mostrar sua força, e agir nacionalmente assusta o inimigo”, complementa Auim. 

 

Demissões e desemprego

No governo Bolsonaro, até final do ano passado, perdemos 37.610 postos de trabalho na Petrobrás. Foram desligados 23.299 terceirizados e houve redução de 22,6% dos trabalhadores próprios. Enquanto o Brasil tem 15 milhões de desempregados, a última vez que houve concurso na Petrobrás foi em 2018. E não é por falta de necessidade, mas por uma política de precarizar o trabalho, poucos fazerem mais, perdendo descanso e em constante tensão.

 

Em meio à pandemia e distraindo o público com fake news, o governo Bolsonaro/Guedes põe em curso seu plano de vender o país para grandes grupos dos EUA, França, China… No nosso dia a dia, vemos setores com número mínimo reduzido, aceleração da terceirização (com funcionários ganhando salários menores e jornadas maiores), intensificação de trabalho (trabalhadores tendo de fazer um número maior de tarefas num mesmo intervalo de tempo), aumento das jornadas (além das mudanças de forma unilateral de jornada e tabela feitas pelo empregador, assédio para fazer o funcionário trabalhar na folga) e, como consequência, acidentes e o aumento do risco nas unidades atmosfera de risco.

 

Terceirização na Regap

Na Regap está em curso a terceirização de atividades operacionais em alguns setores, como Coque, Utilidades e Transferência e Estocagem. Também no Laboratório e no SMS há um processo já avançado.

 

[Da imprensa do Sindipetro MG]

 

Última modificação em Quarta, 22 Setembro 2021 21:54