Zenith Forex carreira Jack Daniels Melhor Forex Estratégia Forex trading para ganhar dinheiro Sistema de trade de liberalização Análise do Mercado Forex PDF Forex Mundo Cargo Filipinas Truques de negociação de opções bacanas Swing Forex Estratégia Como as Forex Centrum Forex Taxa de câmbio Dia Trading Forex Live YouTube forex utah. O leilão de swap forex é Opções binárias Rich Forex Trading. NBAD Forex Trading. Ponto Pivot Opções binárias Trading Strategy Videos Estratégia de negociação de jacaré Você tem sistema de Forexchange grupo forex Opções binárias S & P 500 Bangladesh Negociação multi estratégia Indicador de Alerta de Bollinger Bands MT4 Terminologia Forex para iniciantes PDF Forex Broker Killer 1 minuto Estratégia Barclays Zâmbia Forex. Data de Banco Estadual da Índia Forex Ramos Pune man Aprenda Forex Negociar software de sistema de negociação automática state dating laws in Sint Genesius Rode Belgium speed dating central Natal Brazil ヒマラヤ外国為替プライベートリミテッドリミテッド toerana hookup Antsirabe Madagaskar
Quinta, 04 Fevereiro 2021 20:50

Acidente de Trabalho: descaso médico na Repar

Mesmo lesionado, funcionário é obrigado a retornar à refinaria sem cumprir os 15 dias de atestado

 

Mais uma vez a saúde dos trabalhadores é negligenciada pela atual gestão da Repar e do seu setor médico. O Sindipetro PR e SC recebeu denúncias de que um trabalhador, que sofreu um acidente na refinaria na madrugada do dia 28/01, foi obrigado a retornar a suas atividades mesmo com atestado médico de 15 dias. 

 

O técnico de operação fraturou e cortou um de seus dedos enquanto fazia a abertura de uma válvula.  Ele foi encaminhado imediatamente para um pronto-socorro externo, onde foi constatado a gravidade da lesão. De acordo com o médico que prestou o atendimento, e que não tem nenhuma ligação com a Repar, o trabalhador deveria ser afastado de suas atividades operacionais por pelo menos 15 dias para sua total recuperação.

 

No entanto, foi pedido ao acidentado o retorno imediato ao trabalho, o que nos causou revolta e indignação, pois foi ignorado o sofrimento alheio e as possíveis consequências que a falta de repouso pode causar.

 

Ao descartar sumariamente as recomendações do médico que prestou o primeiro atendimento, o médico do trabalho da refinaria indicou ao funcionário que retornasse para as suas atividades operacionais imediatamente. Essa atitude pode expor o trabalhador a novos acidentes, uma vez que ele não está, temporariamente, em condições de exercer de forma plena a sua profissão.

 

Diante disso, o Sindicato entrou em contato com a gestão através do RH para solicitar esclarecimentos sobre o ocorrido. Em reunião realizada na última sexta-feira (29/01), o médico de trabalho afirmou que é sua a prerrogativa de avaliar a aptidão laboral e diante do seu julgamento profissional resolveu recomendar o retorno imediato do funcionário ao trabalho.

 

Não deveria ser necessário relembrar quais são as atividades realizadas por um técnico de operação em uma refinaria de petróleo. Esse acidente impossibilita o trabalhador de utilizar as luvas de proteção, item obrigatório e básico do EPI. Em caso de instabilidade, ou acidente operacional com necessidade de utilização de proteção respiratória, o resultado pode ser trágico.

 

Para além de todas essas considerações, que já são graves, estamos em plena pandemia, onde se faz necessário a higienização frequente das mãos para evitar o contágio. Esse direito básico à saúde também foi negado ao acidentado pela análise e julgamento de quem é o responsável pela saúde dos trabalhadores da Repar, ou pelo menos deveria ser.

 

O Sindipetro PR e SC segue acompanhando o caso e irá tomar as ações cabíveis, fazendo as denúncias necessárias para responsabilizar os envolvidos. O Sindicato recebeu outras queixas similares e ressalta aos trabalhadores que, caso tenham maiores informações, denunciem através dos seguintes canais:

 

-E-mail: denuncia@sindipetroprsc.org.br

-Telefone: (41) 3332-4554 ou diretamente com os dirigentes sindicais.

 

Texto: Estagiária Jucelene Lopes, com supervisão de Regis Luís Cardoso.

Última modificação em Quinta, 04 Fevereiro 2021 21:11

Jornal Revista

Edição Nº 1418

Veja Todos os Jornais

TV Sindipetro