Segunda, 28 Maio 2012 00:00

Terceirização: CUT abre fogo contra o PL 4330

A CUT lançou uma ampla campanha nacional com o objetivo de informar a sociedade e mobilizar as bases CUTistas sobre os riscos que a classe trabalhadora corre caso a terceirização da mão de obra não tenha uma regulamentação decente.
O Projeto de Lei 4330, de autoria do deputado federal Sandro Mabel (PMDB-GO), relatado pelo deputado Roberto Santiago (PSD-SP), estende a terceirização para todas as atividades - atualmente, a lei só permite terceirização nas atividades-meio das empresas. Para a CUT, juízes, procuradores do trabalho e estudiosos do mundo do trabalho, este PL , na verdade, promove uma reforma trabalhista profunda e com sérios riscos aos direitos já conquistados pelos trabalhadores brasileiros.
O grande desafio da campanha é fazer com que a sociedade compreenda o que está em jogo e ajude na luta contra a verdadeira desregulamentação das relações de trabalho que representa o PL 4330, que está tramitando na Câmara dos Deputados. O maior desafio da campanha é justamente inverter a correlação de forças no Congresso Nacional, acabar com o PL e aprovar a proposta dos trabalhadores para a regulamentação da terceirização.

Jornal Revista

Edição Nº 1418

Veja Todos os Jornais

TV Sindipetro